Neste sábado, 19/11, Programa inédito Rock CPT com o especial da band
Programa inédito Rock CPT com o especial da banda Triúno. ...
Seminário Concórdia realiza Simpósio de Missão Internacional
A minha igreja está na cidade - Uma visão multifacial da missão da Igreja na cidade ...
Mensagem do presidente da JELB sobre seus 91 anos
O jovem Gadiel Baminger, presidente da Jelb, fala sobre a celebração dos 91 anos da Jelb ...
45º Congresso Nacional da JELB e 1º Encontro Latino Americano
Programação conjunta será de 17 a 22 de janeiro de 2017, em Governador Celso Ramos, SC ...
Banda Herdeiros - Povos, Cantai! Nasceu Jesus
"E o Verbo se fez carne, e habitou entre nós, e vimos a sua glória, como a glória do unigênito ...
HeartSong Cedarville University - A Mighty Fortress
A música Castelo Forte, de Martinho Lutero, numa versão contemporânea ...
Fernandinho - Música: Galileu
Galileu, o novo CD do Pr. Fernandinho, traz canções, cujas mensagens nos reportam ao ponto mai ...
Projeto Líder de Louvor - Ver aonde vou
Como um pai que educa o filho, Ele nos ensina a caminhar, mostra que nós temos um lugar. Ver o ...
foto: Internet
Vivendo no espírito do Reino de Deus – antídoto às ansiedades. (Um sermão anti-stress)
Sermão do oitavo Domingo após Epifania

POR QUE OLHAR OS PASSARINHOS E ADMIRAR AS FLORES DO MATO?


- Qual a carga que você trouxe junto para o culto?
- Quantos quilos você está carregando hoje?
Você pode carregar um quilo durante um dia, sem muita dificuldade.

Agora tente carregar durante todo o dia, cem quilos.
E isso durante vários dias!

Certamente você não vai conseguir nem levantar do chão esse peso todo.

Mas se a cada dia você carregar apenas um quilo, no fim de 100 dias você terá carregado 100 quilos e não precisou fazer nem um esforço sobre-humano.

Talvez acostumado com o quilo de cada dia nem se apercebeu mais que todo dia carregava esse fardo.

Vamos imaginar que um quilo seja o peso de cada dia de sua vida.
Um quilo é o peso das preocupações daquele dia.

Todo o ser humano sofre a cada dia a tentação de se livrar logo da carga e quer então carregar num dia só o peso de 100 dias futuros.

E com isso antecipa para o presente, para o seu hoje, as preocupações e ansiedades que pertencem aos próximos 100 dias.

E vem o stress.
E vem a ansiedade.
E vem a depressão.
E os dias presentes se tornam mais difíceis e infelizes do que precisam ser.

O futuro é povoado por fantasmas criados por nós mesmos
E, quando trazemos esses fantasmas para o nosso presente, antecipamos hipotéticos problemas futuros.
Sofremos por antecipação.

E, quantas vezes, depois que tivemos noites de insônia, preocupados por antecipação,
descobrimos que nos preocupamos à toa,

Jesus recomenda:
“não fiquem preocupados com o dia de amanhã, pois o dia de amanhã trará as suas próprias preocupações. Para cada dia bastam as suas próprias dificuldades.” (Mateus 6.34)

Cada dia tem os seus próprios problemas.
Mas cada dia tem também as dádivas do Senhor, que se renovam a cada manhã.

Dádivas estas suficientes para aquele dia.
Deus não antecipa para hoje as dádivas que são do dia de amanhã.

Portanto, para as preocupações do amanhã, Deus fornecerá amanhã as condições para suportá-las e carregá-las.

Cada novo dia é uma dádiva divina.
Deus nele está presente.
E nunca se faz presente para oprimir, para dificultar.
Mesmo na dor e no sofrimento, Deus está presente.
Aceitar isso e confiar na ação de Deus resolve a questão.
Por isso Jesus ensina:
“ buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6.33)
- Quais são “as coisas que vos serão acrescentadas”?

Para compreendermos isso Jesus manda voltarmos nossos olhos, nossa atenção, nosso cuidado, para o mundo ao redor.

Diz ele no Evangelho de Mateus:
“Vejam os passarinhos que voam pelo céu: Eles não semeiam, não colhem, nem guardam comida em depósi-tos. No entanto, o Pai de vocês, que está no céu, dá de comer a eles. Será que vocês não valem muito mais do que os passarinhos?
E nenhum de vocês pode encompridar a sua vida, por mais que se preocupe com isso.
- E por que vocês se preocupam com roupas? Vejam como crescem as flores do campo: Elas não trabalham, nem fazem roupas para si mesmas.
Mas eu afirmo a vocês que nem mesmo Salomão, sendo tão rico, usava roupas tão bonitas como essas flores.
É Deus quem veste a erva do campo, que hoje dá flor e amanhã desaparece, queimada no forno. Então é claro que ele vestirá também vocês, que têm uma fé tão pequena!
Portanto, não fiquem preocupados, perguntando: "Onde é que vamos arranjar comida?" ou "Onde é que vamos arranjar bebida?" ou "Onde é que vamos arranjar roupas?"
Pois os pagãos é que estão sempre procurando essas coisas. O Pai de vocês, que está no céu, sabe que vocês precisam de tudo isso.” (Mateus 6.26-32)

E aí! Tá preocupado, ansioso, angustiado?
Olhe os passarinhos, admire as flores do mato.

Mas por que olhar as aves do céus e as flores do campo?
Porque elas são um permanente testemunho da presença de Deus e do cuidado de Deus.
Eles estão sempre dizendo: “Deus está aqui! Deus cuida de nós!”

Mas nós não olhamos para as aves do céu nem para a erva do campo porque não temos tempo.

E por que não temos tempo?
Porque estamos muito ocupados com os problemas do futuro que antecipamos para hoje.

Jesus não está receitando a irresponsabilidade e a preguiça.
Está recomendando um modo de vida.

Viver o presente, o minuto presente, como um presente de Deus.
Vivê-lo no espírito do Reino de Deus.
Vivê-lo voltado para o mundo de Deus – que é Reino de Deus com toda uma beleza,
grandiosidade e cuidado divino surpreendentes.

Encontrar o sentido do reino de Deus para o presente liberta dos fantasmas que nós criamos para o futuro e queremos trazer para o hoje.

- Mas, o que é o reino de Deus?
- Onde está esse Reino?
- Com que se parece?
- Como se o busca?
- Como se entra no Reino de Deus?

Voltemos aos ensinamentos de Jesus:
- “O Reino de Deus está perto. Arrependam-se dos seus pecados e creiam no evangelho.” (Marcos 1:15)
- “O Reino de Deus é como um homem que joga a semente na terra.
Quer ele esteja acordado, quer esteja dormindo, ela brota e cresce, sem ele saber como isso acontece.
É a própria terra que dá o seu fruto: primeiro aparece a planta, depois a espiga, e, mais tarde, os grãos que en-chem a espiga.
Quando as espigas ficam maduras, o homem começa a cortá-las com a foice, pois chegou o tempo da colheita.
Jesus continuou: - Com o que podemos comparar o Reino de Deus?
Ele é como uma semente de mostarda, que é a menor de todas as sementes.
Mas, depois de semeada, cresce muito até ficar a maior de todas as plantas. E os seus ramos são tão grandes, que os passarinhos fazem ninhos entre as suas folhas.” (Marcos 4.26-32)
Ou seja:
O Reino de Deus está na Palavra de Deus.
E, se você plantar essa sementinha no seu coração, ela vai crescer e vai produzir muitos bons resulta-dos, porque é Deus agindo no seu coração, na sua mente, na sua vida e produzindo boas colheitas.

Assim sendo:
“Se um dos seus olhos faz com que você peque, arranque-o! Pois é melhor que você entre no Reino de Deus com um olho só do que ter os dois e ser jogado no inferno.” (Marcos 9:47)

Os olhos aqui podem representar as preocupações da vida que podem levá-lo ao pecado da falta de fé na providência divina.
- Arranque-os.
Não os olhos, mas a descrença do seu coração.

Os olhos também podem representar o que vejo e não gosto no mundo, no outro.
Se meus olhos vêem com maldade tudo o que é Deus ao meu redor é preciso arrancá-los.
Não os olhos, mas a maldade do coração..

Disse mais Jesus:
- “Deixem que as crianças venham a mim e não proíbam que elas façam isso, pois o Reino de Deus é das pes-soas que são como estas crianças.” (Marcos 10:14)

A criança não está preocupada com o amanhã.
Ela vive o hoje.
O que ela precisa ela espera e pede aos seus pais.
Ela confia nos cuidados e providências deles.

Ser um cidadão do Reino é ser filho de Deus.
Filho que confia na providência do Pai do céu e por isso vive o presente nessa confiança
e deixa o futuro todo nas mãos de Deus.

Ensinou Jesus ainda:
- “Quando o Reino de Deus chegar, não será uma coisa que se possa ver.”
“Ninguém vai dizer: "Vejam! Está aqui" ou "Está ali". Porque o Reino de Deus está dentro de vocês.”
(Lucas 17:20,21)
“O Reino de Deus está dentro de vocês.”
O Reino de Deus dentro de nós é o poder de Deus agindo em nós.
É o poder regenerador, vivificador e renovador de Deus, fazendo de nós novas criaturas:
- cidadãos do reino, filhos de Deus.

Portanto olhem as aves dos céus, olhem a grama que vocês pisam.
Deus os colocou aí para você.
As aves alegram a vida.
As flores embelezam o ambiente.
A grama é o tapete de Deus estendido para você andar no macio e no frescor.,

Assim também o Reino de Deus é dádiva divina para o meu bem aqui e para minha salvação eterna.
Tudo o que faz parte da minha vida é Reino de Deus.
- minha vida, meu corpo, minha mente, minha família;
- meu trabalho, meu estudo, minha escola, minha rua;
- o que faço, o que digo, o que penso, o que sinto – tudo é reino de Deus.
Aí está o Reino de Deus.

Tudo o que você vê e toca está vendo e tocando o Reino de Deus.
A fé cristã redimensiona nossa relação com tudo e com todos.

Estamos aí como gente e agentes do Reino, para cuidar bem do mundo e libertar as pessoas do mal levando-as a fazer parte real do Reino de Deus, ao qual pertencem, mas precisam adotar.

A fé cristã engloba a totalidade do meu ser e do meu viver.
Começa por dar o valor divino ao que menos importância e valor têm.
Porque tudo é de Deus. Tudo pertence a Deus.
Até o trabalho do qual tiro o sustento de cada dia. Tudo manifesta a glória e o poder de Deus.

Quem está na fé recebeu o Reino de Deus e precisa assumi-lo.
Pois está envolvido até o pescoço com tudo o que faz parte do reino de Deus e tem de lidar com isso com respeito, dignidade, amor, serviço, adoração.

Portanto, se o remédio pára a ansiedade e preocupação da vida é o Reino de Deus,
significa trocar uma preocupação pela outra.

Significa deixar de tomar o lugar de Deus e querer resolver à minha maneira a minha vida e colocá-la nas mãos de Deus e, então, dedicar-me a viver o presente com os desafios do Reino de Deus ao meu redor.

Ser cidadão do Reino é apresentar a Deus uma adoração e louvor de vida, por meio da maneira com-prometida com o Reino de Deus, com que me envolvo e me relaciono cotidianamente
com as coisas do Reino de Deus, o mundo de Deus ao meu redor.

Esse é o verdadeiro e único culto de louvor agradável a Deus.

E, na medida em que estamos diariamente, minuto a minuto, envolvidos nesse louvor
que é a oferta de nossa vida ao serviço do Reino, encontramos aí o verdadeiro sentido,
propósito e objetivo da vida e isso trará satisfação e alívio do stress das ansiedades pessoais com o futuro.

Mas ninguém descobre e enxerga a santidade de todas estas coisas se primeiro não se encontrar com Deus, pela fé que brota da semente Palavra de Deus semeada abundantemente no coração.

E quem não encontrou-se verdadeira e completamente com Deus não vê o mundo como mundo de Deus, mas o vê como sua possessão e o oprime, agride, magoa e nisso agride e ofende a Deus – o Criador.

Portanto, “ buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.” (Mateus 6.33)

Buscai o Reino Deus e as vossas ansiedades e preocupações serão conduzidas se resolvidas pelo Pai do céu, que diariamente vos dará força para resolver as coisas de cada dia em amor e, para em amor, relacionar-se corretamente com mundo de Deus que está ao seu lado e no qual você anda.

“O Reino de Deus está perto. Arrependam-se dos seus pecados e creiam no evangelho.” (Marcos 1:15)

“lançai sobre Deus toda a vossa ansiedade, porque ele tem cuidado de vós.” (1 Pedro 5:7)

É dele o convite:
“Venham a mim todos vocês que estão cansados e sobrecarregados e eu lhes darei descanso” (Mateus 11.28)
“Invoca-me no dia da angústia: eu te livrarei e tu me glorificarás” (Salmo 50.15)

Hino: 293 (Hinário Luterano)
Em Jesus amigo temos, /que sofreu a nossa dor / e nos manda que levemos/ os cuidados ao Senhor.
Falta ao coração dorido / gozo, paz, / consolação?/ Leva, ó coração ferido,/ tudo a Deus em oração.
Andas fraco e carregado/ de cuidados e temor? / Vai ao Salvador amado, / vai com fé teu mal expor./
Busca o teu melhor amigo, / fala a Cristo em oração; / nele encontras terno abrigo / e repouso na aflição.
Cristo é verdadeiro amigo;/ disto provas nos mostrou,/ quando, para ter consigo/ os culpados, se humanou.
Veio, com seu sangue puro,/ dos pecados nos lavar;/ paz na terra e, no futuro,/ vida eterna vai nos dar.

Ou:

Em Belém, há muito tempo, alguém nasceu / e no Gólgota por ti também morreu. / Tudo isto Ele fez para mostrar / que te ama e aos céus te levará. ::Lá, lá,lá... Deus é Amor!::
Pelo mundo, quando estás a caminhar,/ os problemas não te devem preocupar;/ situações difíceis sempre existirão / - Deus te orienta segurando a tua mão./ ::Lá, lá,lá... Deus é Amor!::
Na Igreja, no trabalho e no lar, onde quer que tua voz possa falar; necessita sempre Deus o teu viver e assim o mundo não irá morrer. / ::Lá, lá,lá... Deus é Amor!::

Uma leitura complementar da Bíblia: Salmo 43 - Isaías 49.13-16
Pastor João Carlos Tomm
Sermão do oitavo Domingo após Epifania
domingo, 21 de julho de 2013

Comente este post!

Teófilos.Net
Teófilos.Net - Um Site para os Amigos de Deus
Compartilhando: Conhecimento Bíblico - Artigos Teológicos - Conteúdo Cristão
E-mail: wagnerjann@gmail.com
2009-2017 - Todos os Direitos Reservados - Teófilos.Net
Desenvolvido por: Wagner Jann
rolex replica sale | hublot replica uk | replica watches sale | rolex replica uk